2014-05-05

Greve! Falaremos aqui sobre como a Pro Sky conseguiu, levando em consideração as circunstâncias, levar 235 turistas de avião para o Rio de Janeiro

Notícias de Aviação
News: Greve! Falaremos aqui sobre como a Pro Sky conseguiu, levando em consideração as circunstâncias, levar 235 turistas de avião para o Rio de Janeiro

22 horas - este foi o prazo total da Pro Sky para organizar um fretamento de aeronave da Alemanha para o Brasil. Até mesmo para voos dentro do continente europeu, este seria um prazo ambicioso. No caso de um voo de longa distância, este seria um grande desafio. Como os turistas chegaram ao seu destino? Iremos lhe mostrar.


De acordo com o plano original, os 235 turistas viajariam em diversos voos regulares de Frankfurt para o Rio de Janeiro. Eles estavam ansiosos para embarcar em suas merecidas férias na América do Sul. No entanto, a equipe de segurança anunciou o início de uma greve. 1.300 voos foram cancelados. 37.000 passageiros sofreram as consequências. A empresa de turismo tomou uma decisão objetiva: Os turistas chegariam ao seu destino - com a ajuda da Pro Sky. Em Colônia, uma experiente equipe de profissionais da aviação se reuniu imediatamente e entrou em contato com companhias aéreas por toda a Europa e América do Sul.

Os desafios:

  • A aeronave e a tripulação precisavam estar disponíveis no dia seguinte,
  • A aeronave precisava ser adequada para voos de longo curso e certificada para voos transatlânticos e
  • A equipe precisava ter experiência em voos para o Brasil para que fosse capaz de lidar com a situação sem problemas (slots e direitos de tráfego aéreo).

A Pro Sky avaliou o Airbus de uma companhia aérea Portuguesa como a melhor solução. Nem um minuto foi desperdiçado. Planejamento de rotas, listas de passageiros, escolha do catering, preparações para o check-in, etc. - os escritórios da Pro Sky em Colônia e São Paulo trabalharam junto à companhia aérea para organizar tudo simultaneamente.

Direitos de tráfego: De Colônia para Lisboa para o Rio de Janeiro

Havia um problema desafiador para a equipe do projeto - direitos de tráfego. Somente companhias aéreas alemãs ou brasileiras podem voar entre o Rio de Janeiro e o Aeroporto de Colônia - Bonn. A solução foi uma escala em Lisboa. Neste ponto, os convidados precisaram realizar novo check-in para a segunda parte do voo. Um pequeno inconveniente que o cliente aceitou de bom grado. Afinal, seus clientes puderam iniciar as férias pontualmente, apesar da greve.

Para garantir que os clientes receberiam os melhores cuidados, também enviamos dois experientes Flight Managers PRO SKY para os aeroportos. Neste aspecto, a nossa rede internacional de especialistas foi realmente importante. Um colaborador de Faro simplesmente voou até a capital portuguesa. Ele saudou os clientes, os acompanhou ao seu novo check-in e certificou-se de que todos os procedimentos seriam realizados sem intercorrências.

Por exemplo, o nosso Flight Manager utilizou as informações dos assentos utilizados pelos passageiros do primeiro voo no sistema de check-in em Lisboa. Dessa forma, os clientes puderam embarcar no segundo voo e sentar-se em seus lugares "de costume". Havia refeições e bebidas em quantidade suficiente a bordo para um voo de longo curso? Este foi outro detalhe minuciosamente verificado pelo nosso Flight Manager PRO SKY. E assim, apesar da greve, o slogan utilizado com os clientes em férias foi: "Boa viagem e excelente férias".


Compartilhe essa notícia: